quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Saudade.


Da minha puta.
A minha memória não anda lá muito boa. E eu perdi mais uma coisa, perdi meu caderno.
O caderno onde ia comigo para onde quer que eu fosse.


2 comentários:

Isa Dora disse...

Rs..

Lady~ disse...

Não era o tipo de puta que se acha em uma esquina qualquer.