sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Ei.


O que é que teu silêncio ta fazendo alojado na minha garganta?
Eu que sou a tua vontade de falar...
Por que o teu cansaço mói meu corpo?
Eu que sou a tua vontade de dormir...
Por que os teus olhos não se fecham depois do primeiro tiro?
Eu que sou a tua vontade de esquecer...
Por que não ouço aplausos depois do primeiro ato?
Eu que sou a tua vontade...
Por que ninguem morre depois do primeiro amor?
Eu que sempre faço tuas vontades...

2 comentários:

Isa Dora disse...

Bela tela.

Nayara disse...

-Por que ainda me encanto com o que escreves?
-Porque tem magia nas palavras..